Mês da Consciência Negra | SOLAR da Resistência!

Mês da Consciência Negra

SOLAR da Resistência!

No mês da Consciência Negra lembramos da luta, coragem e resistência do povo negro em prol da sua liberdade. Desejamos que a consciência aconteça em todos os meses do ano, todos os dias.  Por isso o Cine Teatro Solar Boa Vista, apresenta sua programação de novembro: “SOLAR da Resistência!”. Durante esse mês o espaço cultural, localizado no Engenho Velho de Brotas, um dos bairros mais negros de Salvador, traz sua programação recheada de cultura negra. A programação geral pode ser conferida aqui!

 

Receberemos o Projeto: “Zumbi dos Palmares. O canto eterno do povo negro” que traz para o SOLAR a exposição “TRIBUTO A MARIA FELIPA DE OLIVEIRA: Exposição Iconográfica e Fotográfica”. A exposição será aberta no dia 19 de novembro, a partir das 15h, e aviva a figura de Maria Felipa de Oliveira, heroína negra, natural de Itaparica. Essa guerreira tem na sua história a participação na Independência da Bahia, em que foi voluntária para espionar as tropas de Portugal, além de liderar homens e mulheres, negros e índios, contra o domínio português. O evento será aberto com uma mesa liderada pela Mestre em Educação Eny Kleyde Vasconcelos, da Universidade Federal da Bahia. A exposição é assinada por ela que há 12 anos pesquisa sobre a heroína negra, contendo em seu acervo documentos inéditos que comprovam a existência da mártire da Independência da Bahia. As fotos estarão disponíveis até o dia 08 de dezembro, com horário de visitação das 14h às 20h, de terça a domingo. Entrada gratuita.

Outro destaque da programação é o Circuito Popular de Cinema e Vídeo, com o projeto Terças na Tela, que ocupa as terças-feiras de novembro do SOLAR com muito cinema! Especialmente para o mês da Cultura Negra, a Diretoria de Espaços Culturais Secult-BA e DIMAS – Diretoria de Audiovisual da FUNCEB, realizadoras do projeto,  apresentam a Mostra Novembro Negro. Os filmes exibidos serão: Cidades das Mulheres, exibido nos dias 04 e 11, e Mandinga em Manhattan, exibido no dia 18, ambos do diretor brasileiro Lázaro Faria. As exibições acontecem às 19h30 e com entrada gratuita.

Filme Cidades das Mulheres

 

O espaço será invadido no dia 08 de novembro a partir das 09h, pelas Blogueiras Negras, ativismo digital liderado por mulheres negras em prol da visibilidade da produção na web por mulheres negras. O grupo irá realizar um “Encontrinho Blogueiras Negras” que é um momento de encontro presencial das mulheres que constroem os espaços virtuais (sites, comunidades, twitter e outras mídias).

Encontrinho Blogueiras Negras

E logo no dia seguinte, 09 de novembro, às 19h, teremos o evento CIRCUITO DE ARTISTAS CREDENCIADOS, em celebração às Culturas Negras. O artista credenciado que fará show no SOLAR é o o músico, compositor e produtor Enio. O mais novo trabalho de Enio é o CD intitulado Axé, lançado no dia 21 de março. O novo trabalho dialoga com a ancestralidade por sua letra e ritmo, onde representa a essência da Música Popular Brasileira. Para esse trabalho, o artista também faz uso de elementos eletrônicos, africanbeats, rock, soul e referências do pop.

Cantor Enio

 

E a programação do SOLAR não para! No dia 22 de novembro, às 19h, o palco do SOLAR recebe o espetáculo “Ubuntu: Ojú Òná – O Caminho. Apresentado pelo grupo Ubuntu, o trabalho é para comemorar o mês da consciência negra. O espetáculo teve sua estreia no conceituado Festival de Música Instrumental da Bahia. A fusão entre a beleza da música afro-brasileira com os dançantes ritmos africanos é a grande proposta do grupo, que preparou um repertório composto por músicas instrumentais e cantadas em homenagem à música brasileira afrodescendente em encontro com a música africana. Entrada R$10 e R$5 (meia).

Espetáculo Ubuntu O pulso da terra

E logo no dia seguinte, 23 de novembro, a partir das 15h, a galera de São Caetano ocupa o Parque Solar Boa Vista e as dependências do teatro com o evento “São Caetano Resistência no Solar Boa Vista”. O projeto São Caetano Resistência foi idealizado em 2010, na Quadra de Esportes do São Caetano, bairro bastante populoso de Salvador, por ativistas do movimento hip hop local e cultura de rua. Com edições realizadas nos anos de 2010, 2011, 2012 e 2013, o evento tomou grande proporção e veio se mostrando importante sobretudo para a juventude do bairro por ter foco cultural, mas também um olhar social e educativo para a arte através do Rap, incentivando a conscientização individual e difundindo o Rap Nacional. Entrada R$10 e R$5 (meia).

São Caetano Resistência – Grupo Saca Só

 

E o Rei do Baião também está na programação. No dia 27, às 19h, alunos do IHAC/UFBA encenam o espetáculo musical “Cantar, Cantei, Canto: Luiz Gonzaga”, em homenagem a este que é um dos maiores nomes da música brasileira de todos os tempos. Elem apresentam repertório representativo de sua obra e percorrem toda a sua trajetória musical. A direção do espetáculo é assinada pelos professores Elisa Mendes e Ângelo Castro. Entrada R$1 e R$0,50 (meia).

Ufa! Ainda não terminamos. No dia 29, às 17h, alunas e alunos do Espaço Cultural Pierre Verger, dirigidos pela atriz Jussara Mathias, apresentam o espetáculo “Cinderela Black Power”. O Espetáculo faz uma releitura bem humorada e afro brasileira do clássico Cinderela. No elenco, estudantes de teatro revezam-se entre os personagens dessa clássica história de amor. A apresentação, com duração de 35 minutos, conta com uma trilha dançante do universo da discotecagem das décadas 70 e 80. Entrada R$10 e R$5 (meia). Promoção: meia estendida para todos!

Espetáculo Cinderela Black Power!

 

Além dessas ações em prol da cultura negra, o SOLAR ainda recebe o espetáculo “Ricardo III”, que integra a programação da 7ª Edição do FIAC – Festival Internacional de Artes Cênicas da Bahia. Dia 01, às 18h. Entrada R$16 e R$8 (meia).  Já nos dias: 03 a 07, 10 e 17 de novembro, receberemos o espetáculo “O Pássaro do Sol”, da Cia A Roda de Teatro. A apresentação é uma parceria entre a Rede Municipal de Educação, o Cine Teatro Solar Boa Vista e a companhia A RODA e é destinada aos alunos e alunas de diversas escolas públicas do município de Salvador.

Espetáculo O pássaro do Sol Foto Marcio Lima

E a parceria com a Secretaria Municipal de Educação continua com a realização na área externa e nos ambientes do SOLAR da Mostra Solar – Juventude e Diversidade. Que tem o intuito de atrair os alunos e alunas do EJA – Educação de Jovens e Adultos, das escolas municipais do Engenho Velho de Brotas.

Ainda em novembro, a programação conta com dois shows que integram o Circuito Caymmi:  “Uma Cartola de Canções”, apresentado pelo grupo Cartola Duo Brasil, no dia 14,  e “Saudade com J Ribeiro”, do cantor J Ribeiro, no dia 15. Ambos às 20h e entrada a R$10 e R$5 (meia).

Show Uma cartola de canções Fotos Alyne Ribeiro

E a criançada estará presente fazendo a festa com o grupo Canela Fina, no dia 16, às 09h. O evento é o encerramento do Projeto de Musicalização Infantil realizado pelo grupo desde 2003. Ainda nesse mesmo dia teremos a apresentação do espetáculo “Teodorico Majestade – As Últimas Horas de um Prefeito”, do Teatro Popular de Ihéus. A apresentação acontece às 18h. Entrada R$2 e R$1 (meia).

Espetáculo Teodorico Majestade – As Últimas Horas de um Prefeito

 

Já no dia 20 de novembro, a Escola de ENGENHARIA ELETROMECÂNICA DA BAHIA – EEMBA realiza no SOLAR um festival pra lá de elétrico! O Festival Eletrocultural da EEEMBA, a partir das 13h. Realizado pelos docentes e alunos o festival é um mix de teatro, dança e música, além de proporciona um intercâmbio com estudantes norte americanos que estudam ritmos brasileiros. Entrada GRATUITA. Público restrito (somente para convidados).

E com a chegada do verão o SOLAR também será palco dos espetáculos do Projeto Verão Cênico, edição 2014.  Aqui no SOLAR as apresentadões acontecem nos dias 25 e 26. Receberemos os espetáculos “Bandido Negro”, da Mostra Cenas Curtas, e “A orfã do Rei”, integrando a Temporada em Movimento, ambos às 20h. Já no dia 26 o espetáculo apresentando será “A história que a manhã contou ao tempo”, às 15h. Entrada para os espetáculos R$2 e R$1 (meia).

WEBFLYER_CINE_TEATRO_SOLAR_BOA_VISTA

A Temporada Verão Cênico é uma correalização da FUNCEB com a Diretoria de Espaços Culturais (DEC) da Superintendência de Desenvolvimento Territorial da Cultura (Sudecult/SecultBA), com apoio do SESC Bahia e em parceria com a Casa Anísio Teixeira, o Teatro Gamboa Nova e o Teatro Popular de Ilhéus.

Parceiro do SOLAR de longa data, a Escola Baiana de Canto Popular, dirigida pela cantora e compositora Ana Paula Albuquerque, apresenta no dia 28 um show em homenagem a Elis Regina. Entrada R$20 e R$10 (meia).

E encerrando a programação, a Rubi Cia de Dança realiza seu primeiro festival, no dia 30, às 15h. O objetivo é promover um espaço para mostra, interação e troca de experiências artísticas dos grupos participantes. Com premiações simbólicas para incentivar a inserção de novos jovens e adultos no meio artístico e estimular a permanência dos que já participam.

No mês de novembro, “Desloque-se do Centro”! Venha para o SOLAR da Resistência!

Serviço:

Programação Novembro-  SOLAR da Resistência!

De 01 a 30 de novembro

Cine Teatro Solar Boa Vista, Eng. Velho de Brotas, Parque Solar Boa Vista

Gratuito ou Preços Populares

Consultar classificação de cada espetáculo

 

Contato: 71 3116 2000 | divulgacao.solar@gmail.com

Blog: blogdosolar.wordpress.com

Fan page do SOLAR

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s